A importância da massagem desportiva

A importância da massagem desportiva
13 de abril de 2021 zweiarts

As contusões musculares são enfermidades que ocasionalmente acometem os praticantes de atividades físicas devido à intensidade dos exercícios realizados. Diante disso, a massagem constitui-se uma prática de prevenção e melhorias de tais contusões. Ela é capaz de aumentar flexibilidade, diminuir o cansaço muscular, recuperar as lesões ocasionadas na prática e ainda ajuda a melhorar o desempenho na realização do mesmo (GLASSMAN, 2017, p. 48).

Além disso, a massagem também promove a diminuição da dor muscular, alívio dos espasmos musculares, aumenta a capacidade de amplitude dos movimentos, melhora a circulação sanguínea e linfática, diminuindo a retenção de líquidos e melhora esteticamente o tecido muscular (GLASSMAN, 2017, p. 48). A aplicação da massagem desportiva pode ser realizada antes e depois das sessões de treino. A massagem indicada para antes é a estimulante; enquanto a indicada para depois é a relaxante (URSULINO, 2003).

A massagem esportiva configura-se um aliado para a realização de exercícios, pois pode ser utilizada no processo de treinamento, assim como antes, durante e depois da competição. É constituída basicamente pelos movimentos realizados na massagem clássica e é utilizada quase que, exclusivamente, nos esportistas saudáveis (TRICOLINI V., 2001).

Sendo assim, uma boa massagem, quando aplicada de maneira correta, pode auxiliar de forma efetiva fazendo com que o atleta aumente a capacidade no desempenho dos exercícios físicos no decorrer do treinamento.

A massagem desportiva é uma modalidade massoterapêutica que fortalece, tonifica e cura determinadas debilidades que, de acordo com a pesquisa realizada, demonstrou-se 100% eficaz na diminuição de dores comuns aos atletas.

Carla Kesen
Fisioterapeuta Dermato Funcional
CREFITO 3/ 98379- F

Enviar mensagem
Fale Conosco
Olá! Tudo bem? Gostaria de mais informações sobre A importância da massagem desportiva.