Como a massagem pode ajudar na ansiedade e na imunidade?

Como a massagem pode ajudar na ansiedade e na imunidade?
11 de março de 2021 zweiarts

A pandemia que invadiu nosso planeta é um convite para repensarmos nossas prioridades e valores. Cuidar de nós mesmos, entender nossas reais necessidades e ressignificar esse momento. Acima de tudo, aprender com ele.

O coronavírus nos ensina a importância do sistema imunológico. Defender o organismo de invasores passou a ser um dos bens mais preciosos da humanidade.Trata-se de um exército que age a nosso favor quando algum tipo de enfermidade nos acomete. Cuidar desse esquadrão de defesa nunca foi tão importante.

A massagem é uma das formas de alimentar e fortalecer esse sistema. O processo interfere instantaneamente na nossa capacidade imunológica e sua frequência atua diretamente nas células que nos protegem.

A eficácia foi comprovada por um estudo americano. O Hospital Cedars-Sinai, em Los Angeles, avaliou um grupo de pessoas antes e depois de receberem massagens. O processo incluiu técnicas diferentes, mas com o mesmo objetivo, o relaxamento.

Os pacientes foram submetidos a exames de sangue antes, durante e após as sessões. Todos os pacientes apresentaram alterações nos resultados. As mudanças mais significativas estão diretamente relacionadas ao sistema imunológico: a baixa do cortisol (hormônio do estresse) e o aumento significativo de linfócitos (glóbulos brancos).

Outras alterações importantes também foram observadas, como a diminuição da vasopressina, hormônio que faz a contração das artérias, prejudicando a circulação, provando que a massagem tem efeito direto na melhora da circulação sanguínea. Ao circular com facilidade, o sangue melhora a distribuição de nutrientes para as células, melhorando, mais uma vez, as defesas do organismo.

A massagem também proporciona um aumento do hormônio oxitocina, que promove alegria, calma e bem-estar.

Normalmente, os pacientes relataram melhora no humor, qualidade do sono, dores corporais e diminuição significativa nos níveis de ansiedade.

A crise de saúde vivida no mundo todo coloca em xeque as prioridades da vida moderna. Estar saudável neste momento é o maior ativo da população. A falta de tempo era o grande mal para deixar cuidados, como o de uma massagem, para depois. Agora o tempo se tornou, absurdamente, relativo.

Carla Kesen
Fisioterapeuta Dermato Funcional
CREFITO3/ 98379- F